Semana do Sono


INSÔNIA

DIA INTERNACIONAL DO SONO

Então, se você é uma pessoa que demora a “pegar” no sono após deitar, ou fica horas vigiando a noite acordado como uma vela acesa, ou ainda vive outras situações noturnas que o impedem de dormir, fique atento às nossas postagens dessa semana para comemorar o Dia Internacional do Sono, que em 2016 será dia 18 de março!

O tema do ano passado foi:

“Open your eyes to sleep”

“Abra seus olhos para o sono”

E em 2016 o tema é:

“Um bom sono é um sonho possível”

Tenho certeza que se você dorme bem, ou acha que dorme, conhece um vizinho, um parente, um amigo que tem alguma dificuldade com relação à boa qualidade do sono.

Sou pesquisadora colaboradora do Grupo de Pesquisa Avançada em Medicina do Sono do Departamento de Neurologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, sob a orientação do Dr. Rubens Reimão, e, durante essa semana vou trazer alguns tópicos que vale muito a pena conhecer sobre o Sono.

O primeiro é sobre o Dia Internacional do Sono.

O evento idealizado pela International Foundation for Medical Health and Neuroscience (Fundação Internacional para a Saúde Mental e Ciências Neurológicas) tem a missão de conscientizar os indivíduos para a necessidade do sono em nossas vidas bem como as repercussões na saúde de qualquer distúrbio nessa área.

Esse dia é comemorado anualmente no dia 1 da primavera no hemisfério norte, outono no hemisfério sul.

Investigações pregressas apontaram a urgência em diagnosticar e tratar os distúrbios do sono, devido ao alto risco para a saúde, assim instituiu-se a Medicina do Sono – área da medicina especializada em investigar o mecanismo do sono, diagnosticar e tratar possíveis alterações.

Alguns comportamentos diurnos podem trazer indícios de problemas com o sono:

  1. A pessoa acorda quase todo dia com sensação de cansaço;
  2. O indivíduo fica sonolento quando dirige longas distâncias;
  3. Dorme durante atividades recreativas como TV ou leitura;
  4. Existência de cochilos no expediente de trabalho;
  5. Tende a estender o tempo total de sono nos finais de semana e feriados.

Caso você se identifique com alguns desses comportamentos, a qualidade do seu sono pode estar comprometida e será recomendável procurar um clínico geral para que o mesmo avalie a necessidade de indicação de um especialista da medicina do sono para investigar a saúde do seu sono.

Abra seus olhos para o sono e durma feliz!

Saudações,

Rosana Rocha

Que nota você atribuiria ao seu Bem-Estar?


2016 –Qual será sua Medalha

 

Olá! Clique no link abaixo para ler o  post.

Medalhas Olímpicas de Vida

MEDITE

DSC00132

Caminho

CUIDAR-SE

ULTRALONGEVIDADE

Seis passos para manter suas metas ao longo de 2015:


Rosa1

Cinco passos para manter suas metas ao longo de 2015:

1. Utilize o Silêncio como sua ferramenta de trabalho pessoal e profissional: a cada 2 h pare, respire, tente relaxar e perceber que tipos de pensamentos passam pela sua mente. Essa é uma boa hora para melhorar a qualidade deles. A qualidade excelente de pensamentos garante economia de tempo, energia e menos pensamentos, o que direciona a pessoa para suas metas a curto, médio e longo prazo de forma simples e direta, além de proporcionar sono reparador;

2. Escreva um diário de sonhos e outro de ideias. Ele ajuda a observar o que se passa em seu subconsciente, mesmo que no momento você não entenda as metáforas e a linguagem onírica. Lembre-se, nos sonhos vale mais a sensação que eles deixam em nós do que propriamente as imagens. O diário de ideias ajuda a criar espaço interno e externo para que você possa trabalhar com elas;

3. Observe as oportunidades. Às vezes elas passam por nós sem que percebamos. Para estar atento, seja um observador constante do caminho, dos processos, das pessoas. Um telefonema, uma mensagem, um programa de TV, entre outros, nem sempre aparecem por acaso. É uma questão de Física: atraímos o que temos afinidade;

4. O que tiver que fazer… faça hoje! Acumular tarefas cria mais desânimo. A solução: apenas comece;

5. Jamais trabalhe como uma máquina, nosso corpo e mente são humanos e precisam do repouso para reparar as funções vitais;

6. Cuide sempre da saúde física, mental, emocional e espiritual. Quando uma dessas áreas se desequilibra é muito fácil cair em estagnação e/ou conflito de forças: o corpo vai, mas a mente não e vice-versa. Esse fato pode desviar você de seus objetivos, não deixe. Faça pelo menos uma atividade que lhe dê prazer e pratique-a com regularidade.

Pronto!
A base para o Sucesso no cumprimento de Metas para alcançar os seus Objetivos está 100% no Presente. Invista no Agora e seu Futuro será totalmente moldado por você.
E quando a vida disser Não! Use sua Criatividade para encontrar Caminhos Alternativos.
Feliz 2015!

Rosana Rocha – Especialista em Desenvolvimento Humano

Dia do Musicoterapeuta


 

Slide1

 

MUSICOTERAPIA

Hoje é o dia do Musicoterapeuta.

Você sabe o que ele faz?

A Musicoterapia pertence à área da saúde, porém sua aplicabilidade é ampla: preventiva, social, comercial, pesquisa e clínica.

Trata-se de uma abordagem que considera a Cultura, a Antropologia, a História, o Corpo Humano (principalmente o funcionamento cerebral), a Medicina e muitos outros aspectos relacionados à vida dos seres vivos em geral.

Existem atualmente diversas linhas de atuação e pesquisa. Registros antigos datam as primeiras aplicações de música e elementos relacionados para restaurar o equilíbrio, estimular comportamentos e prevenir danos em animais, vegetais e pessoas.

As bases dessa profissão estão nas teorias que a norteiam e em suas ferramentas, cabendo ao musicoterapeuta mediar o uso desse conhecimento com o cliente.

O crescimento de pesquisas nesta área tem propiciado maior abertura de oportunidades para os profissionais atuarem. Essa atuação pode ser individual ou grupal e ocorre em espaços como: consultórios, clínicas, empresas, escolas, hospitais, indústrias, comércio, organizações, entre outros.

Há poucas universidades que oferecem o curso no Brasil, mas também existem cursos muito bons que são abertos a outros profissionais que necessitem agregar conhecimentos.

A dica para quem tem interesse na área é pesquisar a partir das Associações que têm em cada estado, para informações sobre cursos, profissionais e escolas.

Parabéns aos Musicoterapeutas de todos os continentes!

 

Edição – Rosana Rocha

CHOCOLATE… UMA DELÍCIA TENTADORA


 

 

DIA MUNDIAL DO CHOCOLATE

CHOCOLATE… UMA DELÍCIA TENTADORA

O cacau é rico em antioxidantes (protetores do organismo) que evitam o envelhecimento precoce. O chocolate é constituído a partir do cacau.

Pesquisas

Desde 2001, são realizadas pesquisas no mundo inteiro para o conhecimento dos benefícios dessa planta. No ano citado, estudos feitos na região do Panamá constataram que as pessoas tinham baixos índices de hipertensão, diabete, entre outros, além de baixa mortalidade por doenças cardiovasculares.

A hipótese levantada foi de que a população de ameríndios Kuna de um arquipélago na costa do Panamá ingeria alta quantidade de cacau e daí seus efeitos.

A partir desse achado muitas descobertas foram registradas.

Atualmente, recomenda-se a ingestão de aproximadamente 25g por dia de chocolate amargo com concentração entre 60 e 70% para proporcionar benefícios à saúde. O ideal é que não haja leite na fórmula.

Benefícios listados

Redução de aterosclerose e colesterol ruim.

Redução da pressão arterial, graças ao óxido nítrico que relaxa os vasos sanguíneos.

Diminuição de processos inflamatórios.

Baixo risco de diabete.

Queda na obstrução de vasos sanguíneos e melhora do fluxo arterial.

Conclusão

Portanto, aprecie o chocolate amargo nas suas diversas nuances. Há chefs especializados na arte do cacau e produzem maravilhas. “Comer com os olhos” e ainda obter benefícios faz muito bem à saúde da mente e do corpo.

Onde encontrar

Uma boa opção para quem quer sempre ter chocolate em casa são os orgânicos, encontrados em feiras de produtos da linha ou prateleiras de hipermercados.

As embalagens de 100g geralmente variam de R$6,00 a R$16,00.

Desfrute desse benefício!

 

Por Rosana Rocha – editora

 

 

SONO


SONO

Dormir bem é sinal de saúde saudável e ao contrário do que se pensava antigamente, enquanto dormimos nosso cérebro continua trabalhando.

O sono, considerado função fisiológica natural e essencial, restaura nosso corpo, para que funcione satisfatoriamente no dia seguinte.

Enquanto dormimos, a atividade cerebral muda e pode ser visualizada por aparelhos que auxiliam o médico especialista em sono a identificar qualquer distúrbio.

Atualmente a área que cuida da saúde do sono é chamada de Medicina do Sono. O sono é organizado em cinco estágios com cerca de 90 minutos, e se repetem aproximadamente cinco a seis vezes durante a noite, de acordo com Bulgari e Freitas (2001).

A pesquisadora Rossini explica que a qualidade do sono noturno afeta diretamente nossas atividades diárias.

Existem vários transtornos do sono que podem afetar nossa saúde, tais como: ronco, apneias, insônia, entre outros. De acordo com o Dr. Lecendreux de Paris, 30% das pessoas no mundo têm insônia e 10% possui outros desconfortos relacionados ao processo do sono.

E sim, garantem os especialistas: o corpo se recompõe durante o sono, proteínas são sintetizadas e o cansaço do dia anterior vai embora. Rosto e corpo recuperam seu viço.

Vamos conversar sobre diversos aspectos relacionados ao sono nas próximas postagens.

 

Referências

REIMÃO, Rubens. Avanços em Medicina do Sono. 1ª edição. São Paulo: Associação Paulista de Medicina, 2001, 446p.

REIMÃO, Rubens, VALLE, Luiza, VALLE, Eduardo, ROSSINI, Sueli. Sono&Saúde, Interface com a psicologia e a neurologia. 1ª edição.  Ribeirão Preto: Editora Novo Conceito. 2010, 224p.

LECENDREUX, Michel. Sono, 100 Perguntas e Respostas. 1ª edição. São Paulo: Larousse, 2003, 315p.

Por Rosana Rocha 19/03/2014  23:45h